ENSINO REMOTO EMERGENCIAL (ERE) EM PAUTA

PENSAR OS DESAFIOS DE ENFRENTAMENTO À RETOMADA DAS AULAS PRESENCIAIS NA PANDEMIA

Autores

Palavras-chave:

ensino remoto emergencial, desafios, plano de retomada, enfrentamento, pandemia

Resumo

O ensino remoto emergencial no Brasil possibilitou a emersão de novas estratégias de ensino, que não só superam os obstáculos do momento pandêmico, mas também direcionam o futuro da educação no país. Nesse sentido, esta pesquisa objetiva refletir sobre os desafios dos planos de retomada do Ensino Remoto Emergencial (ERE) durante a pandemia. Esta nova modalidade de nsino on-line, surgiu quando foram ajustadas às medidas de proteção durante o isolamento social, adotado por diversas instituições de ensino, para que as aulas não fossem interrompidas durante a pandemia de Coronavírus. Como metodologia optou-se para uma pesquisa qualitativa com base nos estudos da Laurence Bardin (2012), os selecionados para a amostra foram 10 educadores da rede municipal de ensino dos anos iniciais do Ensino Fundamental I, do município de Campos dos Goytacazes- RJ. Na presente pesquisa foram selecionados os estudos do Bolze et al. (2021), concomitante aos teóricos da educação Who (2021), Williams (2021) entre outros que discutem a temática. Os gestores, educadores e estudantes estão enfrentando o desafio de retornar às aulas presenciais, e isso acontece no momento em que o cenário pandêmico segue avançando. Pesquisadores do mundo inteiro sinalizam a contaminação das novas variantes do Coronavírus. Nesse ínterim, o corpo docente e a gestão escolar necessitam de se organizar em relação ao plano de retomada das aulas presenciais, para que possam superar os desafios e enfrentamentos cotidianos da escola.

Referências

BACICH, L.; TANZI NETO, A.; TREVISANI, F. M. Ensino Híbrido: Personalização e tecnologia na educação. Porto Alegre: Penso, 2015, p. 47-65. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/317133730_Ensino_hibrido_personalizacao_e_tecn

ologia_na_educacao Acesso: 20 ago. 2021.

BARDIN, L. Análise de conteúdo (L. de A. Rego & A. Pinheiro, Trads.). (Obra original publicada em 1977). Edições 70. Lisboa, 2012.

BERNAL, J.L. et al. Effectiveness of COVID-19 vaccines against the B.1.617.2 (Delta) variant. N Engl J Med. 2021. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/34289274/Acesso em 18 ago. 2021.

BOLZE A. et al. Deslocamento rápido da variante B.1.1.7 do SARS-CoV-2 por B.1.617.2 e P.1 nos Estados Unidos. medRxiv , 2021.doi: https://doi.org/10.1101/2021.06.20.21259195 , https://www.medrxiv.org/content/10.1101/2021.06.20.21259195v1 Acesso em: 22 ago. 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a COVID-19 – 9ª Edição 15/07/2021. 2021. Disponível em: https://www.gov.br/saude/ptbr/coronavirus/publicacoes-tecnicas/guias-e-planos/plano-nacional-de-vacinacao-covid-19

Acesso em: 19 ago. 2021.

BRASIL, Ministério da Saúde. Anexo Vigésimo Nono Informe Técnico 31ª pauta de distribuição – Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação Contra a COVID-1920/07/2021. 2021b. Disponível em: https://www.gov.br/saude/ptbr/coronavirus/vacinas/SEI_MS0021746078Anexo29INFORME.pdf Acesso em: 23 ago. 2021.

CENTRO DE ESTUDOS E PESQUISAS EM EMERGÊNCIAS E DESASTRES EM SAÚDE (CEPEDES). Saúde mental e Atenção Psicossocial na Pandemia COVID-19: Recomendações gerais. Brasília, 2020. Disponível em: https://www.arca.fiocruz.br/bitstream/icict/41030/2/Saude-Mental-e-Atencao-Psicossocial-naPandemia-Covid-19-recomendacoes-para-gestores.pdf Acesso em: 21 ago., 2021.

FRANÇA FILHO, A. L.; ANTUNES, C. F. COUTO, M. A. C. Alguns apontamentos para uma crítica da EAD na educação brasileira em tempos de pandemia. Revista Tamoios, v. 16, n. 1, 2020. Disponível em: https://www.epublicacoes.uerj.br/ojs/ojs/index.php/tamoios/article/view/50535/0 Acesso em 18 ago. 2021.

SHEIKH, A. et al. SARS-CoV-2 Delta VOC in Scotland: demographics, risk of hospital admission, and vaccine effectiveness. The Lancet. 2021. Disponível em: https://covid19.elsevierpure.com/es/publications/sars-cov-2-delta-voc-in-scotlanddemographics-risk-of-hospital-ad Acesso em: 20 ago. 2021.

WANG, C.; PAN, R.; WAN, X.; TAN, Y.;XU, L.; HO, C. (2020). Immediate psychological responses and associated factors during the initial stage of the 2019 Coronavirus Disease (COVID-19) epidemic among the general population in China. International Journal of Environmental Research and Public Health, 17(5), 1729. http://dx.doi.org/10.3390/ljerph17051729 Acesso: 20 ago. 2021.

WHO – WORLD HEALTH ORGANIZATION. Weekly epidemiological update on COVID-19 – 13 July 2021 – Edition 48. 49 2021 a e b. Disponível em: https://apps.who.int/iris/bitstream/handle/10665/339547/nCoV-weekly-sitrep24Jan21-eng.pdf?sequence=1&isAllowed=y Acesso em: 19 ago. 2021.

WILICHOWSKI, T. et al. Building back better: accelerating learning when schools reopen, and what Kenya’s Tusome program can teach us. Washington, DC: World Bank Group, 2020. Disponível em: https://blogs.worldbank.org/education/building-back-betteraccelerating-learning-when-schools-reopenand-what-kenyastusome?CID=WBW_AL_BlogNotification_EN_EXT. Acesso em: 15 ago. 2021.

WILLIAMS, S.V. et al. An outbreak caused by the SARS-CoV-2 Delta (B.1.617.2) variant in a care home after partial vaccination with a single dose of the COVID-19 vaccine Vaxzevria, London, England. April 2021. Euro Surveill. 2021. Disponível em: https://www.sciencegate.app/document/10.2807/1560-7917.es.2021.26.27.2100626 Acesso em: 20 ago. 2021

Downloads

Publicado

2021-11-24

Como Citar

QUINTINO, A. S. de S.; ANTUNES NETO, J. N. .; CORREA, J. ENSINO REMOTO EMERGENCIAL (ERE) EM PAUTA: PENSAR OS DESAFIOS DE ENFRENTAMENTO À RETOMADA DAS AULAS PRESENCIAIS NA PANDEMIA. Anais do Encontro Virtual de Documentação em Software Livre e Congresso Internacional de Linguagem e Tecnologia Online, [S. l.], v. 10, n. 1, 2021. Disponível em: https://nasnuv.com:443/ojs2/index.php?journal=CILTecOnline&page=article&op=view&path[]=774. Acesso em: 5 fev. 2023.